Operação Mosteiro de Arouca

Designação do Projeto | Mosteiros a Norte – Mosteiro de Arouca
Código do Projeto | NORTE-04-2114-FEDER-000189
Objetivo Principal | A conservação, proteção, promoção e o desenvolvimento do património natural e cultural
Região de Intervenção | Norte 
Entidade Beneficiária | Direção Regional de Cultura do Norte 
Data de Aprovação 
| 13.04.2017
Data de Início | 01.05.2017
Data de Conclusão |
Custo Total Elegível | 833 714,02 €
Apoio Financeiro da União Europeia | 708 656,92 €
Apoio Financeiro Público Nacional/Regional | 125 057,10 €
Objetivos, atividades e resultados esperados/atingidos 

A presente Operação, “MOSTEIROS A NORTE – MOSTEIRO DE AROUCA”, visa complementar a “MOSTEIROS A NORTE”. A Operação é ainda realizada tendo em conta que Arouca é peça fundamental na rede de Mosteiros a Norte: o único cisterciense e da ala feminina, o único que se encontra fisicamente íntegro e o único que conservou o espólio artístico dentro de portas, condições que lhe favorecem capacidade específica para cumprir os objetivos estratégicos dos Programas Nacional e Regional da Política de Ordenamento do Território e compaginar com o alinhamento da Estratégia de Especialização Inteligente Norte 2020, no Domínio Prioritário – Capital Simbólico, Tecnologias e Serviços do Turismo.

Ação: Conservação e Restauro do Mosteiro de Arouca
A Ação Conservação e Restauro possui duas componentes,ambas empreitadas, destinadas, respetivamente, à Criação de Estrutura de Acolhimento ao visitante e à Criação de Caixilharia para os Vãos da Igreja e Coro. O mosteiro de Arouca assume, pela dimensão e valor patrimonial, uma presença fortíssima e central na vila de Arouca, onde foi pólo ordenador quando a vila se formou à sua volta, e hoje agregador e qualificador da paisagem urbana. Assume-se ainda como polaridade onde toda a dinâmica cultural tem assento, assim como outras dinâmicas, uma vez que é tomado como o local por excelência da representatividade.