Notícias
02 Set. 2019 Quentin Tarantino na rentreé da programação de cinema A Casa das Artes retoma em setembro a programação regular de cinema, com um ciclo dedicado ao cinema que inspirou Quentin Tarantino. O seu mais recente filme será exibido no dia 26. Evento
Quentin Tarantino é um dos mais conhecidos realizadores americanos a trabalhar na atualidade. Aproveitando a estreia do seu mais recente filme, ONCE UPON A TIME... IN HOLLYWOOD, que iremos exibir no dia 26 de setembro, apresentamos , para a nossa rentrée, um ciclo dedicado ao cinema que inspirou parte da sua filmografia com obras que se tornaram marcos tanto da cultura popular como do cinema.
Escolhemos para cada sessão uma inspiração clara de um dos seus filmes.

Abrimos no dia 12, com o filme de Stanley Kubrick THE KILLING que foi uma influência direta e assumida para a primeira longa-metragem de Tarantino- RESERVOIR DOGS.
No sábado que lhe segue, exibimos um marco de um género muito especifico do cinema americano, o Blaxploitation : falamos do filme de Jack Hill, FOXY BROWN. Tarantino é um confesso admirador da atriz de Foxy Brown, Pamela Greier, que foi buscar para protagonizar o seu terceiro filme JACKIE BROWN.

Na semana seguinte, exibimos, pela primeira vez, um filme do mestre do terror, John Carpenter. THE THING é um clássico do cinema, que influencia de alguma forma RESERVOIR DOGS mas que é inspiração clara do western OITO ODIADOS, o oitavo filme de Tarantino, que tem Kurt Russell, ator no filme de Carpenter de 81, como um dos protagonistas.
No dia 21, exibimos o último filme protagonizado por Bruce Lee, GAME OF DEATH, onde Tarantino "rouba” o famoso fato de treino amarelo, que serve de uniforme à Noiva de Uma Thurman no quarto filme do Tarantino KILL BILL (dividido comercialmente em duas partes). As sequências de arte marcial que também fazem parte do imaginário deste filme são resultado da influencia dos filmes de kung-fu que Bruce Lee protagonizou na sua curta carreira.

Para a última semana, para além da exibição do nono filme do realizador no dia 26 de setembro, exibimos um filme de um realizador que juntamente com Sergio Leone é uma das maiores inspirações para o cinema de Tarantino.
A adoração de Tarantino por western-spaghettis é conhecida e nada melhor que terminar com um dos seus favoritos, tão favorito que deu o nome dele ao protagonista do seu sétimo filme. DJANGO, realizado por Sérgio Corbucci é exibido no sábado,28.
Não percam Setembro, há muito para ver.



quinta-feira, 12 setembro  | 21h30

UM ROUBO NO HIPÓDROMO
THE KILLING
Stanley Kubrick
EUA| 1956 | FIC | 84’

A primeira obra-prima de Kubrick. "The Killing" é um filme fundamental, cuja importância se revelou com o tempo. É uma clássica história de assalto (sendo o alvo o dinheiro das apostas de um hipódromo), mas Kubrick subverte a narrativa clássica com uma montagem revolucionária para o seu tempo. 
Texto: Cinemateca Portuguesa


Sábado, 14 setembro | 18h

FOXY BROWN
Jack Hill
EUA | 1974 | FIC | 92’

Foxy Brown (Grier) encontrou a sua alma gêmea num policia infiltrado, mas quando ele é brutalmente assassinado, ela jura vingança contra o gangue responsável. Infiltrando-se como prostituta para chegar perto do gangue, Foxy descobre o quão alta a corrupção se estende, o que provoca uma guerra devastadora que a leva das ruas da cidade para um laboratório de drogas remoto para uma batalha de tirar o fôlego por detrás dos controles de um avião.   

Quinta-feira, 19 de setembro | 21h30

VEIO DO OUTRO MUNDO
THE THING
John Carpenter
EUA | 1981 | FIC | 121’

No Inverno de 1982, uma equipa de 12 exploradores em missão numa estação de pesquisa na Antárctida descobre um ser extraterrestre enterrado na neve desde há 100,000 anos. Uma vez descongelado, o mutante extraterrestre provoca a devastação, cria o pãnico à sua volta e transforma-se num deles. 


Sábado, 21 setembro | 18h00

O ÚLTIMO COMBATE DE BRUCE LEE
GAME OF DEATH
Robert Clouse
EUA/ Hong- Kong | 1978 | FIC | 100’

Billy Lo, é um intérprete de artes marciais que anda a ser seduzido pelas tríades, que o querem do seu lado nem que para isso tenham de recorrer à violência. Billy acaba por fingir a sua própria morte e regressar para reclamar vingança num último combate. 


Quinta-feira, 26 setembro | 21h30

ERA UMA VEZ...EM HOLLYWOOD
ONCE UPON A TIME ...IN HOLLYWOOD
Quentin Tarantino
EUA | 2019 | FIC | 165’

Los Angeles (EUA). O ano é 1969. Rick Dalton é um actor de "westerns" televisivos que, juntamente com o seu duplo e amigo de longa data Cliff Booth, chega a Hollywood determinado a reavivar a sua carreira. Ali, os seus destinos vão cruzar-se com personagens que marcaram uma época. Entre elas está a jovem Sharon Tate, na altura grávida do cineasta Roman Polanski; e Charles Manson, cujos crimes cometidos por si e pelos seus seguidores chocaram o mundo, mudaram costumes e deram o mote ao fim do movimento "hippie".
É a nona longa-metragem assinada por Quentin Tarantino.


Sábado, 28 setembro - 18h00

DJANGO
Sergio Corbucci
IT/ES | 1966 | FIC | 92’

Depois de Clint Eastwood como O Homem Sem Nome e de Giulianno Gemma como Ringo, eis a terceira personagem mítica do western spaghetti: Django, personificado por Franco Nero, que se tornou uma vedeta popular nos anos 60 com este filme. Corbucci, um veterano que já realizara filmes em diversos géneros (peplums, comédias com Totò), segue astutamente as pegadas de Leone nestas aventuras de um homem solitário, que percorre o Oeste levando nas bagagens o seu caixão.
Texto: Cinemateca Portuguesa

Sala Henrique Alves Costa
Rua Ruben A, 210, Porto
bilhete normal: 3,5€ | bilhete estudante / +65 anos: 2,5€ | bilhete sócio CCP: 0,5€
A bilheteira abre meia-hora antes de cada sessão.
Não se fazem reservas.